“Canguru” tradicional ou ergonômico? Veja os prós e contras

976475_603518782999762_1707530532_o

Imagem: Mamatraca

O Canguru é uma “mochila” com fivelas e fitas para regulagem. Seu uso é recomendado para bebês a partir de seis meses ou que já sentam, já que nele, o bebê é carregado sentado, na posição vertical, com as pernas apoiadas, mas livres.

Seu uso é fácil e intuitivo, mas requer alguns cuidados.

 

Veja as diferenças entre um canguru tradicional e um carregador ergonômico, como é a Sampa Chila.
Modelo ergonômico – Sampa Chila
Canguru tradicional
Mais adequado
Respeita a constituição óssea do quadril do bebê.
Pernas do bebê ficam ao redor da cintura do adulto, promovendo suporte para que ele sente com o peso no bum-bum e não nos genitais.
Pernas do bebê ficam penduradas, sem suporte.
Bebê virado de costas, com suporte para a coluna e para as pernas, com conforto e segurança.
Bebê virado pra frente, projetando seu peso e sofrendo pressão na coluna cervical. Prejudica o arqueamento correto das pernas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s